segunda-feira, 21 de novembro de 2016

SENHOR QUE VOS QUERO SEMPRE PRESENTE



Quero te pedir meu  Senhor
Agora que vai nascer de novo
Um presente para todo o povo
Todo o povo deste planeta da dor


Que deixe a partir de agora de sofrer
De ser um povo de refugiados
Cheio de fome procurando chãos semeados
Não importando de afogado morrer

Pois para trás deixa interminável guerra
Ou deixa terra de tanto maltratada estéril
E o que recorda é de muita pólvora num barril
E nada do verde vale e da bela serra

É este o meu pedido o meu único presente
Devia ser eu Senhor... Eu a Vos dar um
Vós sereis o recém-nascido.... Mas para vós... Nenhum
É digno... Senhor que vos quero sempre presente


João Pereira Correia Furtado
Praia, 20 de novembro de 2016
http://joaopcfurtado.blogspot.com

2 comentários:

Reminiscências disse...

Surpreendente sempre João Furtado

Parabéns outra vez!
beijos


Joao Furtado disse...

Obrigado